Apoio ao Cliente 944 585 385 info@caetano.co.ao

Representante oficial

A Ford promove mais uma edição do Raid TT do Kwanza-Sul

Data de criação: 26 Julho, 2016

O Raid TT do Kwanza-Sul, este ano na sua 9ª Edição, regressa às estradas angolanas com o apoio da Robert Hudson/ Ford. Com destino à província mais a sul do país, o Cuando Cubango, o mote deste ano é “O Raid no Cuango Cubango”. Serão mais de 40 participantes, entre pilotos, co-pilotos e pessoal de apoio técnico.

Tal como em edições anteriores, serão 13 dias em que a caravana, partindo de Luanda a 9 de Junho, percorrerá mais de 4000 quilómetros até ao seu regresso à capital do País. Entretanto, terá chegado ao extremo Sudeste de Angola, o «Bico de Angola».

O Raid passará pelas províncias de Bengo, Cuanza Sul, Huambo, Bié, Cuando Cubango, Cuanza Norte e Luanda. Como é tradição, o Raid não tem carácter de competição, sendo mais um passeio turístico, em forma de caravana, em que se promove a descoberta dos vários motivos de interesse que a natureza e a história oferecem. Apesar de tudo, não será um simples passeio. A iniciativa, que visa promover o turismo em Angola, pertence ao Governo da Província do Cuanza Sul em parceria com o Município português de Almada, no quadro de um acordo de cooperação existente desde 1997.

As 13 viaturas Ford Ranger disponibilizadas pela Robert Hudson, patrocinador oficial do Raid, terão por objetivo chegar, visitar e conhecer as “Terras do Progresso”, outrora conhecidas por “Terras do Fim do Mundo”. Visitada a capital da província, o objetivo é chegar ao “Bico de Angola”, partindo de Cuíto Cuanavale até Luiana, via Mavinga e Rivungo o percurso é no sentido inverso Caíla, Cuangar, Calai, Dirico, Bico, Rivungo, Mavinga, Cuito Cuanavale. Trata-se de um percurso com bastantes dificuldades em termos de condução fora-de-estrada, devido aos extensos areais, arvoredo fechado e travessia de linhas de água. No sentido poente, outro percurso a desafiar a coragem e resistência dos participantes, ligará Dirico ao “Bico de Angola”.

A bordo das pick ups – Ford Ranger – modelo líder de mercado neste segmento, os participantes, maioritariamente angolanos e portugueses, a título individual ou de empresas como a Unitel, os Casinos de Angola, o Banco Atlântico, o Banco Keve ou as Organizações Ritz, viverão uma aventura inesquecível numa relação virtuosa entre aventura, natureza, turismo e cultura.

A 1ª etapa tem uma extensão de 330 km e ligará Luanda ao Libolo. No dia seguinte, 10 de Junho, tem lugar a etapa mais longa. Serão 700 km a ligar o Libolo a Menongue, com passagens pelo Alto Hama e Bailundo. De Menongue, via Caiundo, chegar-se-á a Caila, no final da terceira etapa. De Caila a Dirico, já no extremo sul, serão mais 305 km e estaremos no 4º dia do raid e daí a Bico serão mais 295 km, num trajeto que passará por Mucusso – Buabuata. A 6ª etapa, será aproveitada para recarregar baterias, e ver os animais no seu habitat natural tais como búfalos, elefantes e muitos antílopes uma vez que serão efectuados apenas 50km, preparando-se assim o regresso à capital.

O percurso de regresso terá os finais de etapa no Rivungo, Mavinga, Menongue, Huambo, Conda, Porto Amboim e, finalmente, Luanda. A edição deste ano tem 13 etapas, mais uma que na edição anterior, em 2014.

Os Raids TT do Cuanza Sul são expedições que aliam o prazer da condução todo-o-terreno à descoberta de lugares de incrível beleza natural e relevância histórica. Proporcionam ainda o desenvolvimento do espírito de camaradagem e entreajuda, características do espírito aventureiro dos participantes.

O Raid TT Cuanza-Sul, ao longo das suas oito anteriores edições, tem acompanhado o desenvolvimento de Angola, traduzido na aposta de melhores estradas e infra-estruturas”, justifica Gabriel Almeida, administrador delegado da Robert Hudson, que destaca ainda “As paisagens e lugares de uma beleza sem igual, permitem uma divulgação directa de proximidade aos participantes e, através deles, chegará a muitos potenciais turistas as imagens da Angola profunda, convidando tanto aventureiros como famílias a descobrir as maravilhas do nosso País”.

Os participantes actuais e participantes de Raids anteriores afirmam que a Ford Ranger é o veículo ideal para este tipo de expedições, quer pela sua capacidade técnica, quer pelo seu comportamento seguro e fiável em picada e em estrada “A Ford Ranger continua a definir este segmento de mercado, com estilo, conforto, tecnologia e potência. Em Angola, a Ford Ranger é a pick up preferida pelos consumidores angolanos. E este ano, pretendemos reforçar esta preferência com a chegada do novo modelo Ranger ao mercado angolano, no último trimestre”, conclui Gabriel Almeida.